quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Blender 2.60 textura em objecto geométrico plano.

Para aplicar uma textura num objeto geométrico plano no Blender, é preciso criar um plano (com as dimensões da imagem), importar uma imagem que será usada como textura, e por fim utilizar o UV Editing para mapear o objeto plano.

Será que não existe uma maneira mais fácil e rápida de fazer isso?
Existe sim! A resposta está no addon "Import image as planes".

Veja como ativar e utilizar este fantástico addon para o Blender, no vídeo em baixo.

Para aplicar texturas em objetos com outras formas geométricas, só mesmo usando o UV Editing. :-)

Nota: Veja aqui como instalar o Blender 2.60 no ubuntu 11.10
http://tuxmind.blogspot.com/2011/10/blender-260-no-ubuntu-1110.html

Blender 2.60 no ubuntu 11.10

Já esta disponível para download o Blender 2.60a (veja as novidades do 2.60 em: http://www.blender.org/development/release-logs/blender-260 )
 
No repositório do ubuntu 11.10 só esta disponível o Blender 2.58, por isso temos de fazer o download via blender.org. (Esta dica também serve para ubuntu 10.04 LTS, e para as versões superiores até 11.10)

Como sempre abrimos um terminal com a combinação de teclas:
CTRL + ALT + T

Nota: Esta dica instala automaticamente a versão correcta para a sua maquina (i686 ou x86_64), e o Blender ficará instalado na pasta do utilizador (não será preciso privilégios administrativos para usar os comandos em baixo). :-)

A seguir usamos os comandos:

wget http://download.blender.org/release/Blender2.60/blender-2.60a-linux-glibc27-`uname -m`.tar.bz2

tar xjf blender-2.60a-linux-glibc27-`uname -m`.tar.bz2

rm blender-2.60a-linux-glibc27-`uname -m`.tar.bz2

echo -e "[Desktop Entry]\nName=Blender 2.60\nGenericName=3D modeller\nComment=Create and edit 3D models and animations\nExec=/home/$USER/blender-2.60a-linux-glibc27-`uname -m`/blender -w\nIcon=/home/$USER/blender-2.60a-linux-glibc27-`uname -m`/icons/scalable/apps/blender.svg\nTerminal=false\nType=Application\nCategories=Graphics;3DGraphics;\nStartupNotify=false\nMimeType=application/x-blender;" > ~/.local/share/applications/blender-2.60.desktop

chmod +x ~/.local/share/applications/blender-2.60.desktop

Agora é só ir até a dash no Unity (ou no menu do gnome classic) e procurar por "Blender 2.60". :-)

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Android 4.0 Ice Crean Sandwich


Aqui fica de uma forma muito resumida as principais novidades do Android 4.0 Ice Crean Sandwich, e do primeiro smartphone a usar esta versão 4.0 do Android (Samsung Galaxy Nexus).

Mais fácil e intuitivo de usar, acesso rápido à barra de notificações, e no desbloqueio temos a possibilidade de aceder à camera directamente. (É claramente uma ideia aproveita da "comunidade" cyanogenMod, integrando essa funcionalidade no "círculo de desbloqueio")

O mesmo esquema de menu em forma de "círculo" é utilizado para atender ou recusar chamadas, sendo adicionado uma nova opção para "resposta rápida".

Widgets num novo separador lado-a-lado com as aplicações. (Ficou mais intuitivo de usar )

Controlo de tráfego de dados com detalhe ao nível do consumo de cada aplicação, podendo definir um limite máximo e alertas de consumos através de uma UI muito simples e intuitiva.

Outra funcionalidade muito útil que também está relacionada com a poupança no consumo de dados é a possibilidade de guardar paginas para serem vistas em modo offline, e o Gmail também ganhou uma opção de pesquisa offline.

A camera permite tirar fotos e fazer zoom enquanto grava vídeo (full HD), e tem uma interessante funcionalidade de “time lapse”. Em modo de fotografia a camera faz disparos instantâneos, reduzindo drasticamente o tempo entre fotos (fast shot2shot), e também tira fotos panorâmicas.

Nova funcionalidade de captura de ecrã (screenshot) recorrendo simultaneamente aos botões de power e volume. (uma funcionalidade pedida por muitos utilizadores)

Partilha via NFC de vários tipos de conteúdo como sites, aplicações, Youtube, etc... (recurso conhecido como Android Beam) vai ser muito interessante ver o que os developers vão conseguir fazer com esta nova funcionalidade.

Este texto foi apenas um pequeno resumo, porque as novidades são muitas :). Para saberem todos os detalhes e specs, visitem a página do android. http://www.android.com/

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Dicas para o Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot


Veja nos links em baixo algumas dicas para o Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot:

Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot sem Unity
Personalizando o Unity 
Applets no painel do Gnome Classic
Screensaver no Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot

Applets no painel do Gnome Classic

Se instalou o Gnome 3 em fallback mode (mais conhecido por Gnome Classic) no Ubuntu 11.10, já deve ter reparado que o painel do Gnome (gnome-panel) sofreu ligeiras alterações. Antes bastava um clique com o botão direito do mouse para adicionar applets. Agora é necessário premir Alt + botão direito do mouse para ter acesso as definições do painel do Gnome.

 
Para aceder às opções de um applet, basta um clique com o botão direito do mouse. Mas para mover ou remover o applet do painel do Gnome, também utiliza-se a combinação de teclas Alt + botão direito mouse.


Esta dica também serve para outras distribuições que usam Gnome3, mas só é possível adicionar applets no modo fallback. Não funciona no Gnome-Shell

Veja também outras dicas para Ubuntu 11.10
Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot sem Unity
Personalizando o Unity


Screensaver no Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot

O Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot não vem com screensavers (proteção de tela ou ecrã :P) . O gnome-screensaver só tem opções de energia. Então como colocar Secreensavers?
Para isso vamos ter de remover o gnome-screensaver e instalar o xscreensaver.

Abra um terminal com a seguinte combinação de teclas Ctrl + Alt + t e execute os seguintes comandos: (veja em baixo de cada comando uma explicação do que ele faz)

which gnome-screensaver && sudo apt-get remove -y gnome-screensaver
- Remove o gnome-screensaver (só remove se estiver instalado).

sudo apt-get install -y xscreensaver xscreensaver-gl-extra xscreensaver-data-extra
- Instala o xscreensaver e alguns extras.

mkdir -p ~/.config/autostart
- Cria a pasta autostart, caso esta ainda não exista (em novas instalações a pasta ainda não existe).

echo -e "\n[Desktop Entry]\nType=Application\nExec=xscreensaver -no-splash\nHidden=false\nNoDisplay=false\nX-GNOME-Autostart-enabled=true\nName[pt]=xscreensaver\nName=xscreensaver\nComment[pt]=\nComment=\n" > ~/.config/autostart/xscreensaver-start.desktop
- Esse comando vai colocar o xscreensaver no arranque do sistema. Ele cria o arquivo xscreensaver-start.desktop e depois coloca dentro da pasta /home/user/.config/autostart/.

xscreensaver -no-splash &
- Inicia o deamon xscreensaver.

echo -e "[Desktop Entry]\nExec=xscreensaver-demo\nIcon=xscreensaver\nTerminal=false\nName=Screensaver\nComment=Change screensaver properties\nType=Application\nCategories=GNOME;GTK;Settings;DesktopSettings;X-GNOME-Settings-Panel;X-GNOME-PersonalSettings\nX-Ubuntu-Gettext-Domain=xscreensaver\nX-GNOME-Settings-Panel=xscreensaver" > ~/xscreensaver.desktop
- Cria o arquivo xscreensaver.desktop.

sudo mv ~/xscreensaver.desktop /usr/share/applications/
- Coloca o xscreensaver nas definições/configurações do sistema copiando o xscreensaver.desktop para a pasta /usr/share/applications/


Arquivos criados pelo 4º e 6º comando:
xscreensaver-start.desktop:
[Desktop Entry]
Type=Application
Exec=xscreensaver -no-splash
Hidden=false
NoDisplay=false
X-GNOME-Autostart-enabled=true
Name[pt]=xscreensaver
Name=xscreensaver
xscreensaver.desktop:
[Desktop Entry]
Exec=xscreensaver-demo
Icon=xscreensaver
Terminal=false
Name=Screensaver
Comment=Change screensaver properties
Type=Application
Categories=GNOME;GTK;Settings;DesktopSettings;X-GNOME-Settings-Panel;X-GNOME-PersonalSettings
X-Ubuntu-Gettext-Domain=xscreensaver
X-GNOME-Settings-Panel=xscreensaver
Veja também outras dicas para o Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot
Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot sem Unity
Personalizando o Unity 
Applets no painel do Gnome Classic

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Ubuntu 11.10

A versão final do Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot já está disponível para download.

Se você não gostou do Unity, tenha calma :D , veja como voltar ao Gnome tradicional aqui: Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot sem Unity

Se você gostou do Unity, (ou quer dar uma chance ao Unity) veja aqui como personalizar o seu Ubuntu com Unity: Personalizando o Unity



Faça uma visita guiada pelo sistema, e explore Oneiric Ocelot sem sair do seu browser http://www.ubuntu.com/tour/
 

Link para download: http://www.ubuntu.com/download

Dennis Ritchie 1941 - 2011

Morreu Dennis Ritchie criador da linguagem C e "co-criador" do Unix.

Sem este importante cientista da computação, não teríamos o Unix, nem os sistemas Unix-like (Linux, Mac OSx, BSD, etc...)

Neste vídeo podemos ver o génio da computação, a falar sobre uma das suas criações. O sistema Unix.